Coala Festival anuncia a programação da edição 2018

unnamed
Foto: I Hate Flash

Para comemorar os seus cincos anos, evento dobra de tamanho e passa a ter dois dias de programação no Memorial da América Latina

Desde que surgiu, em 2014, o Coala Festival se mantém firme na proposta de celebrar a música brasileira com nomes que se destacam na cena contemporânea. Em 2018, não poderia ser diferente. Para comemorar os seus cinco anos de existência, o festival prepara uma edição especial e passa a ter dois dias de evento. Marcado para 1 e 2 de setembro, o Coala Festival ocorre mais uma vez no Memorial da América Latina (Avenida Auro Soares de Moura Andrade, 664, Barra Funda, São Paulo).

Continuar lendo “Coala Festival anuncia a programação da edição 2018”

Coala Festival abre pré-venda de ingressos

unnamed
Foto: Divulgação – Coala Festival

Marcado para os dias 1 e 2 de setembro, o festival celebra a sua quinta edição no Memorial da América Latina

A quinta edição do Coala Festival já tem data e local marcados. Nos dias 1 e 2 de setembro, o evento reúne bandas e artistas nacionais no Memorial da América Latina. Assim como nos anos anteriores, o Coala abre uma pré-venda antes mesmo de anunciar as atrações.
Mas se eu fosse você, eu correria, porque o evento é marcado por reunir atrações renomadas da cena nacional. Em 2014, a primeira edição do festival contou com Tom Zé, Criolo, O Terno, Trupe Chá de Boldo, 5 a Seco e Apanhador Só. Já em 2015, Bixiga 70, Marcelo D2, Mustaches e os Apaches, Otto, Saulo Duarte e a Unidade e Selton, tomaram conta do local que fica na Barra Funda. Em 2016, Baiana System, Céu, Lila, Karol Conká, Silva e Cícero com participação de Marcelo Camelo fizeram a terceira edição ser história. Por fim, 2017 veio pesadão com Aíla, Liniker e os Caramelows, Tulipa Ruiz, Emicida, Rael, Fióti e Caetano Veloso. Parece que cada ano fica melhor, né?

Continuar lendo “Coala Festival abre pré-venda de ingressos”

Agenda da semana: Gloria Groove se apresenta em São Paulo

Tássia Reis.jpg

Para alegrar o nosso final de semana com lacre primaveril, nossa diva Tássia Reis desembarca no Brasil após uma trip com as migas para Nova Iorque e apresenta dois shows do #OutraEsferaTour de graça. O primeiro acontece no sábado (02), às 18h, na Casa de Cultura Freguesia do Ó e no domingo (03), às 17h, na Casa de Cultura Hip Hop Sul. Bora ouvir esse Rapjazz, enquanto o disco da Rimas & Melodias não sai?

 

KellSmith
Foto: Gustavo Arraes

Já no dia 3 de setembro (domingo), às 17h, Kell Smith apresenta um show gratuito no Mirante 9 de Julho, pelo projeto “Skol apresenta Show”, mostrando que não há nada mais contemporâneo e alinhado com o grito atual do empoderamento que a sua música. O show aconteceria dia 20 de agosto, mas foi adiado por conta da chuva. Programinha 0800, só chegar e curtir!

JoãoSuplicy.jpg
Foto: Edu Pimenta

Após passar mais de sete anos no projeto “Brothers of Brazil”, com seu irmão Supla, João Suplicy volta aos palcos, agora em carreira solo, para apresentar canções autorais e versões de sucessos que o influenciam. João se apresenta no palco montado em frente ao Centro Cultural Fiesp – SESI SP, na Avenida Paulista, no domingo (03), gratuitamente. Em uma mistura de pop, rock, MPB, baião, João utiliza de diversos gêneros para montar seu próprio estilo e diversificar no repertório, acompanhado dos músicos Danilo Moura, na percuteria; e João Moreira, no baixo.

1CAPA FACEBOOK  (1).png
Créditos: Kalaf Lopes

Comemorando dois anos ininterruptos no ar, com muitas entrevistas, lançamentos e até programas de rádio, o site Pacóvios, fonte de cultura independente e alternativa, resolveu ir além da internet pela segunda vez e organizou um festival com três bandas autorias: goldenloki, Kanduras e Meu Nome Não É Portugas. O rolê acontece no domingo (03), a partir das 18h, no Breve. Ingressos: R$ 20.

f4437d8f7fd5e8b3cdf6263228a74462e3cc4e38.jpgOs fãs de baião já têm programa para essa terça-feira (05), às 19h30, pois a próxima apresentação do projeto “Música na Biblioteca” traz ao Memorial da América Latina o recital de canto poético – em voz e violão – “Eterno Gonzaguinha”, por “Duo Brasilianos”. A apresentação que acontece na Biblioteca Latino-Americana, traz em seu repertório canções do músico brasileiro Luiz Gonzaga do Nascimento Júnior, eternizado como Gonzaguinha. A coletânea, preparada para a celebração dos 25 anos sem o ator e compositor, apresenta sucessos como “Eu acredito é na rapaziada” e “O Que É, o Que É?”. Ingressos: de R$ 1 a R$ 2.

sasasas.jpg
Foto: Dori Puig

Para celebrar o amor pelas canções italianas, Davi Amarante apresenta nesta terça (05), às 21h, o showDavi Não Vê Estrelas – Back2Italia”, no Teatro Porto Seguro. Com direção musical de Tony Berchmans (Cinepiano) e direção geral de Ciro Barcelos (Dzi Croquettes), sucessos italianos são revisitados com sonoridade acústica. A soprano internacional Laura de Souza faz participação especial. Ingressos: de R$ 60 a R$ 100.

Editaaaado.jpg

Comemorando duas décadas e meia de carreira, a cantora e atriz Gottsha retorna ao Teatro Porto Seguro, nesta quarta-feira (06), às 21h, com o show “Discotheque”. Entre as canções, “Last Dance” (Donna Summer), “Dancing Queen” (ABBA), “Disco Inferno” (The Trammps), “Zodiacs” (Roberta Kelly), “I Love The Nightlife” (Alice Bridges), “I Will Survive” (Gloria Gaynor), “Dancin Days” (As Frenéticas) entre outros hits que atravessaram gerações.  Ingressos: de R$ 60 a R$ 80.

21248640_1462362210511454_7816514784194775141_o

O feriado já começa trabalhado no lacre: a Shout invade a Audio na quarta-feira e bota todo mundo pra dançar com pocket show da divônica Gloria Groove, que já deixou um convite especial para os fãs lá no evento do Facebook. Quem também comanda esse sururu é o Boss in Drama, conhecidíssimo na night e criador do incrível mashup que mistura “Look What You Made Me Do” – novo single de Taylor Swift – com batidas de funk e sample de “Bum Bum Tam Tam”. #Gorky, do Bonde do Rolê, e Fernando Moreno também levam sets elaborados para as pick ups. Ingressos: a partir de R$ 30.

Coala Festival anuncia ordem e horário das atrações

18403386_808728155959460_7890468507701886039_n

Programação do evento intercala atrações mais conhecidas e menos conhecidas e sempre começa com um nome que já tem alcance grande

Quando surgiu, em 2014, o Coala Festival tinha como objetivo realizar um evento que reunisse atrações musicais que não eram vistas em grandes palcos – muitas vezes consideradas como alternativas, mas responsáveis por movimentar um circuito fervilhante de São Paulo. Agora, em sua quarta edição, o festival celebra o feito de ter se tornado um dos mais aguardados da agenda cultural da cidade. No dia 12 de agosto, ocupa mais uma vez o Memorial da América Latina, espaço onde é realizado desde a sua primeira edição.

A cada ano, o Coala tem como desafio tornar a programação mais diversa e democrática, tendo o cenário musical brasileiro como cerne – e a preocupação de equilibrar a presença de artistas em diferentes momentos da carreira. A ordem das atrações é outro detalhe pensado minuciosamente pelos organizadores do evento. “Geralmente, os grandes festivais começam com as atrações menos conhecidas e terminam com as atrações mais conhecidas (headliners). Muitas vezes, isso faz com que as pessoas cheguem mais tarde para ver apenas aquelas bandas que elas já conhecem, dando menos relevância para as atrações anteriores”, comenta Gabriel Andradecurador do Coala junto a Marcus Preto. No Coala, a ideia de headliner não existe, pois o festival entende que todos os artistas têm o mesmo valor. “O artifício que temos usado para que todas as atrações toquem para um público relevante é o de intercalar nomes mais conhecidos e menos conhecidos, começando sempre com alguém que já tem um alcance grande. Nesse ano, por exemplo, abriremos com Liniker e os Caramelows”, completa Gabriel Andrade.

Confira a programação do Coala Festival:

13h10 | Liniker e os Caramelows
13h55 | Forró Red Light
14h25 | Aíla
15h10 | Uaná System
15h40 | Tulipa Ruiz
16h25 | DJ EB
16h55 | Rincon Sapiência
17h50 | Shaka
18h20 | Emicida, Fióti e Rael
19h50 | DJ Tahira
20h20 | Caetano Veloso

Rá-Tim-Bum, o Castelo anuncia novas atrações gratuitas para a segunda temporada

Por Daniela Agostini_1.jpg

Rá-Tim-Bum, o Castelo, projeto idealizado pela Fundação Memorial da América Latina e pelo Governo do Estado de São Paulo, em parceria com a TV Cultura e a Caselúdico, acaba de ser prorrogado por mais três meses. O público terá até 30 de setembro para visitar o Castelo, abrangendo o período das férias escolares de julho.

Além de conhecer os 22 ambientes que reproduzem com o máximo de fidelidade o desenho original do seriado, os visitantes também poderão se divertir nessa segunda temporada do evento com espetáculos de teatro e projeções gratuitos na Praça da Sombra, onde o Castelo foi construído.

“O público pediu e nós não só prorrogamos a exposição como também preparamos diversas novidades para essa segunda temporada, todas gratuitas e abertas para os visitantes do Memorial. O passeio ficará ainda mais completo e divertido. Esperamos por todos!”, diz o presidente do Memorial, Irineu Ferraz.

Teatro – “Espetáculo Rá-Tim-Bum, o Castelo” entra em cartaz, aos sábados e domingos, a partir de 1º de julho. Em um palco montado na marquise do Pavilhão da Criatividade, ao lado do Castelo, a Companhia dos Reis apresentará esquetes temáticas, que recriarão alguns episódios e contarão histórias sobre os personagens do seriado. O público poderá interagir com o elenco.

Serão 9 apresentações por dia:

10h30 – “Tchau não, até amanhã!” (15 min)
11h30 – “Quem é quem por aqui?” (15 min)
12h30 – “O dono do Castelo” (15 min)
13h30 – “Qual o seu planeta de origem e Zula, a menina azul” (20 min)
14h30 – “Tchau não, até amanhã!”
15h30 – “O dono do Castelo”
16h30 – “Qual o seu planeta de origem e Zula, a menina azul”
17h30 – “Quem é quem por aqui”
18h30 – “Morgana”

Video Mapping – Para encerrar o dia, às 19h30 e às 21h dos sábados e domingos (a partir de 1º de julho), um espetáculo de luz e magia toma conta da fachada do Castelo.

Com aproximadamente 7 minutos e inspirado em shows de luzes apresentados em grandes parques do mundo, o vídeo mapping de Rá-Tim-Bum, o Castelo contará com diversos efeitos especiais e exibirá trechos de alguns episódios do programa.

Espetáculo Rá-Tim-Bum, o Castelo”, que conta com as esquetes teatrais e o vídeo mapping, é um projeto aprovado no Programa de Ação Cultural – ProAC, da Secretaria da Cultura do Governo do Estado de São Paulo, e conta com os patrocínios da Jundiá Sorvetes, Wickbold e Apsen Farmacêutica.

Exposição – Rá-Tim-Bum, o Castelo continua recebendo visitas de terça a sexta-feira, das 9h às 21h, e aos sábados, domingos e feriados, das 9h às 22h. Os ingressos estão à venda na bilheteria do Memorial, que fica em frente ao Castelo, e também pelo site www.ratimbumocastelo.com.br. O valor permanece R$ 20,00 (meia-entrada, R$ 10).

Coala Festival confirma Caetano Veloso, Emicida, Liniker e os Caramelows na quarta edição

18403386_808728155959460_7890468507701886039_n.jpg

Caetano Veloso, Emicida e Liniker e os Caramelows são algumas das atrações confirmadas; no Coala Festival que ocorre no dia 12 de agosto, no
Memorial da América Latina

Quando surgiu, em 2014, o Coala Festival tinha como objetivo realizar um evento que reunisse atrações musicais que não eram vistas em grandes palcos – muitas vezes consideradas como alternativas, mas responsáveis por movimentar um circuito fervilhante de São Paulo. Agora, em sua quarta edição, o festival celebra o feito de ter se tornado um dos mais aguardados da agenda cultural da cidade. No dia 12 de agosto, ocupa mais uma vez o Memorial da América Latina, espaço onde é realizado desde a sua primeira edição.

A cada ano, o Coala tem como desafio tornar a programação mais diversa e democrática, tendo o cenário musical brasileiro como cerne – e a preocupação de equilibrar a presença de artistas em diferentes momentos da carreira. Em 2017, Caetano Veloso marca a presença no line-up como a principal atração do evento. Praticamente uma entidade para as novas gerações da música nacional, o cantor e compositor baiano mantém frescor na produção atual, inclusive fazendo parcerias com gerações mais novas. Emicida foi um dos nomes que contou com uma participação especial de Caetano Veloso. Ele emprestou a voz ao refrão da faixa “Baiana”, que está no disco mais recente do rapper, “Sobre Crianças, Quadris, Pesadelos e Lições de Casa” (2015). Continuar lendo “Coala Festival confirma Caetano Veloso, Emicida, Liniker e os Caramelows na quarta edição”

Memorial da América Latina reproduz Castelo Rá-Tim-Bum

17636952_359732564424276_2436088773497572596_o.jpg

Para comemorar o aniversário de 28 anos, o Memorial preparou uma megaprodução do nostálgico programa da  TV Cultura e que promete emocionar adultos e crianças

Lembra que maravilha era os anos 90? A gente ia pra escola, brincava por horas, não se preocupava com os boletos, a maior dúvida era escolher se pintava o desenho de verde ou azul e a gente não via a hora de chegar em casa e poder ver desenhos. A TV Cultura, era o canal da TV Aberta que trazia mais opções para os pequenos. Entre Glub-Glub, Mundo da Lua e X-Tudo, uma das atrações mais esperadas era o Castelo Rá-Tim-Bum. O universo criado por Flávio de Souza e Cao Hamburguer, chamava a atenção pela inovação e conteúdo educativo, que em apenas 90 episódios foi eternizado na infância dos brasileiros. Continuar lendo “Memorial da América Latina reproduz Castelo Rá-Tim-Bum”