Conheça o Give a Home, festival mundial em prol aos refugiados

Liniker.jpg

Realizado pelo Sofar Sounds e pela Anistia Internacional, o evento visa dar suporte a refugiados e ocorre no dia 20 de setembro em mais de 60 países

Músicos, refugiados e comunidades se reunirão em casas ao redor do mundo pelo  amor em comum pela música e pela necessidade que todos têm de ter um local para chamar de lar. O Sofar Sounds e a Anistia Internacional organizarão, no dia 20 de setembro, shows intimistas em mais de 60 países. Intitulado Give a Home, o festival global dará suporte a mais de 20 milhões de refugiados. No Brasil, São Paulo foi a cidade escolhida para a abrigar o Give a Home. A capital paulista terá quatro apresentações na programação: Liniker e os Caramelows, Giovani Cidreira, Luciana Mello e Yannick Dellas. O local, contudo, será revelado apenas 48 horas antes do evento, assim como ocorre em todas as edições do Sofar Sounds.

Nomes como Esperanza Spalding, Hot Chip, Ed Sheeran, Mumford and Sons e The National já estão confirmados com seus shows intimistas ao redor do globo. O local das apresentações, contudo, será revelado apenas 48 horas antes do evento, assim como ocorre em todas as edições do Sofar Sounds.

“Com mais de 21 milhões de pessoas forçadas a fugir de seus países de nascença, a crise mundial de refugiados é uma das questões determinantes da nossa era”, declara Salil Shetty, Secretário-Geral da Anistia Internacional. “A música e a arte sempre foram parceiros poderosos da justiça porque nos tocam profundamente, nos ajudam a olhar além das fronteiras e a enxergar o que nos une. Give a Home trará a oportunidade de refletir sobre nossa humanidade compartilhada e reforçar nossa determinação em encarar esse desafio humanitário sem precedentes”, completa.

Todos podem se candidatar a ingressos através do site até o dia 10 de setembro, onde é possível selecionar a cidade e o evento de sua escolha. Há a opção de fazer doações durante essa candidatura. Os recursos arrecadados com o projeto farão parte de uma ajuda de custo para o trabalho da Anistia Internacional de documentar abusos e violações aos direitos humanos contra refugiados e de pressionar governos a encontrar soluções.

Agradecimentos: Inker Agência Cultural

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s