Resumão do fim do ano!

Olá, leitores lindos! Será que vocês ainda aparecem por aqui? A grande verdade é que esse blog anda mais parado do que nunca! Depois desse último semestre-loucura, decidi me dar umas férias. Pensei muito em deixar o NMP de lado, afinal, esse é ano de TCC, trabalho em uma revista semanal e a saturação corre solta. Mas eu amo escrever aqui e sinto que essa deveria ser a hora de persistir ainda mais. Eu ia deixar esse post de lado, porque vocês vão pensar que estamos atrasados, certo? Mas seria estranho começar 2014 sem falar desses dois últimos dois meses, que foram tão lindos! Vou fazer um rápido resumo sobre cada evento, ok? Espero que gostem e que me mandem energias positivas para esse novo ano!

Planeta Terra

Show do Planeta Terra Festival 2013, no Campo de Marte em São Paulo.

Esse foi o meu primeiro festival de música internacional (tirando os festivais da Cultura Inglesa, que são gratuitos). O Planeta Terra aconteceu no Campo de Marte, no dia 9 de novembro. O sábado foi bem corrido, depois de acordar beeeem cedo e ir gravar parte de um telejornal na faculdade, corri para Santana para ver o primeiro show que foi da Clarice Falcão. Doce e rápida, a apresentação da recifense contou até com uma breve participação de Gregorio Duviver, seu namorado.

991267_10palma_violets009_gAinda no mesmo palco, foi a vez dos meninos do Palma Violets. Não conhecia a banda, passei a ouvir no Rdio (me segue lá), uma semana antes do evento por indicação do Paullo, que também é nosso colaborador. Os britânicos têm uma energia muito boa e agitaram a plateia inteira. No outro palco, tocava o BNegão & Os Seletores de Frequência, outra banda notável, mas na vida nós temos que fazer algumas escolhas, não é mesmo? Valeu o show, mesmo com o sol escaldante.

991337_24travis023_g

Depois, corremos direto para o palco ao lado, para tentar um bom lugar pra grande estrela da noite. Enquanto isso, vimos o show do Travis. Eu não sou muito fã dos caras, mas é indiscutível dizer como estava bonito aquele cenário: fim de tarde, muita gente cantando e o sol quase indo embora. A parte boa, é que ao fim do show, muitas pessoas foram para o primeiro palco, deixando o espaço livre para quem queria ver a próxima atração. Com isso, fiquei bem pertinho de quem eu queria ver desde o início.

991272_11lana_del_rey009_gSim, estou falando de Lana Del Rey! Apesar de achar que o ano dela por aqui foi o de 2012, comprei o ingresso em consideração as lembranças lindas que guardo desde então. Antes da cantora subir, o palco foi enfeitado por palmeiras, violinistas e toda a banda colocaram-se a postos e ela entrou cantando Cola. Apesar de ser a música que eu menos gosto de sua carreira, a emoção já começou dali. Não vou me estender muito, até porque, vocês já devem ter lido sobre esse show muitas vezes, mas é importante frisar como Lana é simpática, atenciosa com os fãs, além de mostrar-se muito emocionada pela quantidade de pessoas e com o grande coral em TODAS as suas músicas. Ah, e claro, ela ter alterado o refrão de American, para “like a brazilian”, fez com que ela me conquistasse ainda mais.

7687_10202008687634770_421097164_n

Está acostumado a ver esse bonitão nas telinhas da Globo? Nem todo mundo sabe, mas além de ator, Alexandre Nero também é cantor. E diria mais: um grande poeta. Em 2011, ele lançou seu primeiro disco Vendo Amor. Por falta de tempo, demorou dois anos para que ele terminasse o seu projeto. E eu fui conferir o lançamento do DVD Revendo O Amor, Com Pouco Uso, Quase Na Caixa no Auditório do Ibirapuera. Ele mescla músicas próprias, com interpretações e uma poesia e outra. O show é totalmente teatral e um encanto de se ver. Me vi várias vezes com a boca aberta, tão grande é o capricho do moço. Você sabia dessa outra faceta dele?

1471738_10202008694954953_392716213_n

Já no dia 20 de novembro, foi a vez de sair correndo de uma prova da faculdade para conferir a apresentação da Cocorosie no Cine Joia. Já fui algumas vezes ao estabelecimento (e adoro!), mas essa foi a primeira vez que eu vi uma fila realmente grande para entrar. Nunca imaginei que as irmãs americanas fossem tão conhecidas em terras brasileiras. Eu pouco conhecia delas, acabei indo para acompanhar uma amiga muito fã. O único problema da noite foi: o grande atraso das duas. O relógio já marcava 23h30 quando elas subiram ao palco. Por conta disso, acabei vendo bem pouco, o que foi uma pena. Ao vivo, as duas me impressionaram muito! Com um jeito todo irreverente, ao mesmo tempo em que cantavam, tiravam a roupa, revelando outros figurinos – além de pelos nas axilas! Quem conhece o trabalho delas, sabem que elas seguem um estilo todo alternativo de ser, na música e na vida.

21nov2013---solange-knowles-irma-mais-nova-da-estrela-do-pop-beyonce-se-apresentou-na-noite-desta-quinta-feira-21-em-sao-paulo-no-cine-joia-1385096316171_956x500

E a correria não para! Depois de outra prova, no dia seguinte foi a vez de conferir Solange Knowles também no Cine Joia. Diferente da apresentação do dia anterior, a irmã mais nova de Beyoncé foi super pontual! Às 23hrs já estava no palco, esbanjando todo o seu charme. Apesar do grau de parentesco e de alguns traços físicos parecidos, Solange não tem nada a ver com a B. Aliás, ouso dizer que ela é diferente de todas as cantoras pops que vejo atualmente. Ela dança diferente, sua música tem grande influencia do R&B dos anos 80 e até seu figurino parece ter saído dessa época. A apresentação que durou pouco menos que uma hora, fez com que eu me apaixonasse ainda mais por True, seu EP mais recente.Vale o play!

892249_10202070340896063_1576833005_o

 

Dia 09 de dezembro, foi a vez de fechar o ano cultural e ver Curumin lá no Sesc Carmo. Estou literalmente viciada no disco Arrocha, que é o último do cantor. Apesar do calor que passei na comedoria do lugar, a apresentação foi bem intimista e foi uma delícia cantar músicas como Vestido de Prata Selvage. Quero bis em 2014!

IMG_20131220_191936[1]Encerrei o ano com os pezinhos na água do mar. 2013 foi tudo tanto pra mim, espero que em 2014 eu tenha ainda mais surpresas e motivos para sorrir. Os projetos são grandes, por isso, só peço fôlego pra conseguir segurar o que vem por aí.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s