Achados e Perdidos – Especial Anna Nalick

É incrível a quantidade de cantores talentosos que você pode encontrar nas trilhas sonoras de séries e filmes. E há muito tempo eu venho trazendo comigo um amor pela cantora e compositora americana, Anna Nalick. Que foi descoberta, pelo menos por mim, na trilha sonora da série Grey’s Anatomy.
Anna Christine Nalick nasceu em Glendora, Califórnia, compõe músicas desde criança e lançou seu primeiro álbum “Wreck of the Day”, e até onde eu sei o único, em 2005. Com ele ela foi apresentada ao Mundo como uma “compositora apaixonada e honesta”. O álbum entrou na Billboard 200 na 20º posição e vendeu mais de 750 mil cópias. Aos 28 anos, Nalick escreve coações que tem o poder de definir sua vida em três minutos. 

Capa do álbum “Wreck of the Day”

Fui apresentada à Anna N. enquanto assistia a série Grey’s Anatomy, em algum episódio aleatório que tocava a música “Breath (2 AM)” e depois de muito tempo essa música foi cantada no episódio especial musical “Song Beneath The Song” 07×18. Quando fui fazer uma maratona da série percebi que, desde a primeira temporada, Anna Nalick está como trilha sonora e fui reconhecendo praticamente o CD inteiro.
Tenho o CD inteiro na playlist do meu celular e não consigo escolher uma música favorita. Apesar de ter dias que prefiro ouvir aquela música do que aquela outra, mas num contexto geral todas são muito boas. Pra indicação, acho a música “More Than Melody” maravilhosa e, num show, Anna explica que essa música fala sobre um alguém que ela não quer que, no futuro, se torne apenas uma melodia de uma música triste. “Soldier” e “Drink Me” também são muito boas. “Im My Head” é viciante, “Catalyst” tem uma letra bem triste,  “Breath (2 AM)” tem uma letra de doer o corpo inteiro e, claro, a música que originou o nome do álbum “Wreck of the Day”, ok, confesso. Essa é a minha preferida *-*
Além das letras, que são maravilhosas por sinal, o que mais me chamou atenção é a doçura da voz de Anna e, ao mesmo tempo a agressividade. O que eu digo por agressividade é que ela consegue transmitir todos os sentimentos escritos em melodia e, quando você escuta um acústico é de arrepiar. Sem contar que ela é bem fofinha, toda carismática e eu escolhi especialmente os vídeos onde ela conta a história de cada música e se vocês gostarem (e eu espero que gostem rs) escutem as outras músicas, todas são ótimas. Mas chega de blá blá porque a parte boa é ouvir!
Anna Nalick – Wreck Of The Day
Anna Nalick – More Than Melody
Anna Nalick – Catalyst

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s